Todo Mundo tem um dia de… Preguiça

Olá meus caros dois leitores que sofrem por ler meus textos, quase que lhes dou a ótima noticia de que desta vez vocês escapariam de ouvir minhas palavras, mas quase não é certeza, pois apesar da grande preguiça que estou para escrever, tenho que cumprir meu dever.
Como já devem ter percebido, o tema de hoje é a “preguiça”, nossa ô coisa boa e ruim ao mesmo tempo, ela é boa quando se está assim deitado no sofá ou em uma rede, ou em dias de sol em que se fica na varanda assim, só vendo a vida passar. Porem ela é ruim quando se tem que entregar um trabalho, ir a uma reunião, ou qualquer outra coisa que seja de importância, ai ela pode ser até fatal.
Mas o que é a preguiça no meio virtual? Bem, no meio virtual o mais perto de preguiça mesmo é o de não querer ler uma noticia, olhar o saldo no home banking, verificar emails, olhar sites, jogar online, ver seu perfil nas redes sociais e muitas outras coisas já que o universo virtual está sempre crescendo. Também é preguiça não ligar os mensageiros instantâneos como o msn, gtalk, skype, e outros.
Agora, não se deixem enganar pela preguiça, pois ela é traiçoeira, e como já dizia um antigo sábio, “A preguiça é tão lenta que sempre é alcançada pela pobreza”, portanto, sacode a poeira e dá a volta por cima (bela musica está por sinal) e vamos lá terminar os afazeres, por em ordem as coisas, entregar os trabalhos e verificar todas as suas contas no universo virtual, desde o email a sua rede social, porque como diz a letra de uma das musicas da maravilhosa Elis Regina, “o show de todo artista tem que continuar”, pois somos todos artistas neste mundo maravilhoso em que vivemos e de nossas próprias vidas.

Enquanto isso nossos politicos só nos dão vergonha

Achei que devia escrever algo para desabafar uma coisa que sempre vejo se falar na internet, jornais, revista, radio e televisão; Partidos políticos reclamando e condenando o atual governo. A bola da vez é sobre a volta do CPMF, com outro nome, mas o mesmo imposto.
Não sou a favor de nenhum nem outro, mas acho que se deveria fazer algo em beneficio do povo ao invés de ficar com brigas partidárias. Que os partidos políticos não servem ao povo já sabemos a algum tempo, mas agora eles parecem nem querer disfarçar mais isso. Que tal essa idéia, ao invés de ficar criticando o atual governo por voltar um antigo impostou, ou reclamar aos quatro ventos que eles querem mexer na poupança (coisa que nem vou comentar agora pois isso em parte é bom), por que eles não param então de pedir aumento aos altos salários deles? ora, foi aprovado para o Ministro do STJ o aumento de R$ 24,5 mil para R$ 26.723,13 em fevereiro de 2010, mais de R$ 2 mil, agora eu gostaria de saber, além do obrigatório que é o trabalho deles, eles estão fazendo mais alguma coisa extra para ganhar um aumento de R$ 2 mil? eles precisam mais do que os já bem altos R$ 24,5 mil que recebem todos os meses? (isso sem contar as ajudas de custo como moradia, transporte e etc). Se não fosse todos estes aumentos não seria preciso tantos impostos nem a criação de novos(ou ressurreição de outros).
O Brasil é um pais riquíssimo, e se não fosse todo esses recursos mau distribuídos, causando a quantidade excessiva de impostos que temos hoje, certamente em alguns anos já seriamos considerados um pais de primeiro mundo, pois com os recursos sendo corretamente empregados, teríamos educação, saúde, cultura e segurança para todos e com grande qualidade.
Sabe, eu tenho uma assinatura de tv a cabo e faz parte do pacote os canais políticos tv câmara, tv senado, tv justiça e canal legislativo. Eu gostaria de escrever algo aqui em relação a comparação entre alguns canais bloqueados a esses canais políticos, mas depois apaguei pois apesar das minhas opiniões, não acho que seria interessante, mas eu assisto a esses canais eventualmente (me refiro ao tv câmara, tv senado, tv justiça e canal legislativo), mas que por vezes penso que nem deveria ter assistido tamanho o descaso em varias das sessões. A ultima vez que assisti o canal legislativo, vários vereadores estavam presentes na casa mas não responderam a chamada sendo assim, se absterão de votar a pauta do dia, mas ficam la para bater-papo, almoçar e tomar um cafézinho. Eu realmente aconselho a quem tem estomago fraco, brio e ética a não assistirem as sessões pela tv, muito menos pessoalmente.
Ah, quase me esqueci, agora que o STJ conseguiu esse aumento que falei no inicio, o legislativo também quer…