Exercício – Exploração – Socialização – Jogo – Tudo em um Só

Quando se poderia pensar em ter exercícios, exploração e integração social jogando pela internet?

Está são as algumas das metas do jogo Ingress (www.ingress.com) da NianticLabs. em parceria com a Google Inc. que tem atraído jogadores de todo o mundo e retirando muitos deles do sedentarismo, apatia social e proporcionando grandes experiencias de vida ao levar os jogadores a explorarem lugares distantes ou até seu próprio bairro.

O Ingress é uma AR – Augmented Reality ( Realidade Aumentada – pt.wikipedia.org/wiki/Realidade_aumentada ), que basicamente é um sistema que utiliza as câmeras dos dispositivos para adicionar elementos virtuais as imagens capturadas ( exemplo: apps que colocam barba, óculos e outros na imagens antes de filmar ou fotografar ).

Como todo bom jogo, o Ingress tem uma historia de fundo bem instigante.

Cientistas do CERNpt.wikipedia.org/wiki/Cern ) descobriram em um experimento uma misteriosa energia que foi chamada de Matéria Exótica (XM), invisível ao olho nú. Quando estudada foi constatado que uma inteligencia agia através dela. Como resultado, a agencia secreta NIA do governo dos EUA criou um projeto para estuda-la. Foi descoberto que XM vinha de locais chamados “Portais” e tinha influencia sobre a mente humana, podendo inspirar uma pessoa ou escraviza-la. Para auxiliar nas pesquisas foi criado uma poderosa IA(Inteligencia Artificial) chamada ADA(A Detection Algorithm – Um Algorítimo de Detecção) e uma interface que poderia transformar simples smartphones em “Scanners de XM“. Depois de membros da equipe de estudo serem expostos a grandes quantidades de XM e terem passados por estranhas experiencia e visões, dois deles, Dra.Devra Bogdanovich e o Escultor Roland Jarvis decidem fugir. Durante a fuga eles marcam um local de encontro e se separam, Jarvis chega ao local e é morto por ordem de ADA(agora um IA consciente devido a exposição ao XM) e Devra é impedida de chegar ao local, então ele deliberadamente “perde” seu smartphone para ladrões na estação de trem. O aplicativo “Scanner” vaza para a internet para que as pessoas possam usa-lo. Jarvis porem, não está morto, devido a sua grande exposição ao XM, ele alcançou um estado avançado de evolução e seu corpo começou a regenerar e mensagens que parecem ser dele tem saído de “Portais” alertando a todos.

Essa é a historia que define as duas facções;

-Resistencia:(ADA e Devra)
A Resistencia procura eliminar a XM devido ao receio de que ela possa ser utilizada para escravizar a humanidade.








-Iluminados:(Jarvis)
Os Iluminados buscam um conhecimento maior da XM para ajudar a humanidade a evoluir para um nível mais avançado de existência.

Agora o rumo dessa guerra secreta está em suas mãos.
Você pode seguir com sua vida ou escolher um dos lados para lutar pela humanidade ou a escravidão dela.







Vídeo Promocional

Veja tembém: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2013/11/ingress-jogo-do-google-traz-realidade-aumentada-para-android-e-ios.html

Ingress é uma marca registrada da NianticsLabs(Copyright 2014. NianticLabs@Google. All rights reserved.)

Mud ou não Mud? eis a questão!

Gostaria de separar este espaço para falar de uma coisa que marcou muito o inicio de minha vida adulta.

Muitos não podem não estar entendendo o titulo, então vou primeiro explicar isto.
MUD é a abreviação de Multi-User Dungeon(ou dimension é só escolher) e a tradução direta seria Calabouço de Multiplos Usuários. Basicamente é um jogo baseado nas regras de RPG(Role Playing Game, que é um jogo de interpretação de papéis) mas totalmente em texto, não sendo usado nenhum grafico ou imagem, exceto imagens feitas por letras conhecidas como art-ascii.
Em 1999 eu estava passeando pela internet(em paginas underground) e achei um link sobre MUD, fiquei curioso e abri a pagina, quando olho, vejo só um monte de endereços e portas e fiquei sem entender nada. Depois comecei a ler sobre o assunto e voltei a esta pagina e copiei um dos endereços lá e tentei entrar neste tal de “MUD”, mas não conectou, ai tentei o segundo da lista que viria a ser o “mud.linkway.com.br 4001” que nada mais nada menos era o “Mundo de Vitália” que até hoje é considerado o maior, melhor e mais estavel MUD brasileiro(infelizmente saiu do ar a alguns anos não deixando sucessores). Ao entrar neste mundo virtual encontrei mais do que um joguinho pura e simplesmente, lá encontrei um mundo com pessoas conectadas dos mais diversos locais do brasil e do exterior onde pude interagir e criar grandes vinculos de amizade que mantenho até hoje como por exemplo, Kestor(Luis), Ken(Ricardo), Phillipe(Felipe), Selune(Aline), Minsk(Rodrigo), Ucker(Fernando), Dimitrius(Rafael), Kyra(Adriana), Crowley(Antonio), Milet(Carina), Lumpi(Caue), Cansian(Felipe), Adelphos(Diego), Wolfgam(Eduardo), Zeltrue(Fred), Garreth(Gustavo), Maegali(Izabel), Blug(Juliano), Morrigan(Juliana), Zickler(Leonardo), Sisko(Paulo), Rain(Rafael), Malendam(Vinicius), Tork(Mateus), Silverbolt, Hitty(Vera), Eomer, Gex, Scary(Gustavo), Kidaf(Rafael) e uma infinidade de pessoas que pude conhecer e ter o prazer de ser amigo, mas que não tem como colocar todos aqui pois são muitos mesmo.
Havia os encontros conhecidos como Mud-Encontrou ou somente ME, era um momento magico onde grande parte dos participantes se reunião em locais especificos vindos até de outros estados para um fim de semana cheio de diversão, brincadeiras, rpg e churrasco. Pena que nunca pude participar de nenhum deles. Os mais famosos destes encontros era o de Valinhos em São Paulo e o de BH em Minas Gerais.
Hoje muita coisa mudou, com o fim do Mundo de Vitália, muitos jogadores migraram para outros muds menores ou para os mmorpg graficos, mas ainda muitos mantem contato e sempre que podem fazem pequenas reuniões onde agora falam sobre o que virá e sobre os bons tempos. Muitos outros perderam o contato devido certamente a essa nossa vida corrida dos dias de hoje, mas ainda por muito tempo seram lembrados pelos fortes laços de amizade e palas grandes aventuras virtuais que participaram.
Minha ideia é com o tempo fazer varios postagens sobre mud e este fica sendo como o primeiro deles e em breve tentarei escrever mais sobre este assunto que é algo que me agrada muito.